BMW: Taxa mensal para ativar o aquecimento de banco? Entenda

BMW aquecimento banco

A BMW cobra uma taxa mensal para ativar o aquecimento no banco em seus veículos e o sistema será colocado em operação na Coreia do Sul e custa o equivalente a R$ 98 por mês.

Alguns fabricantes falam há algum tempo em um sistema de assinatura para determinadas funções do carro ou até mesmo equipamentos – algo como no mundo dos videogames.

Isso se tornou uma realidade, pois os proprietários de carros BMW na Coréia do Sul agora têm a opção de pagar por assentos aquecidos com uma taxa mensal de 24.000 won.

Mais um ano está previsto por R$ 942 ou três anos por R$ 1.514!

CUIDADO COM A MULTA! Farol sempre acesso não mais, conheça as luz de rodagem diurna (DRL).

Para o aquecimento do banco, a BMW utiliza o portal Connected Drive Store, que já existia para os clientes baixarem diversos aplicativos

Tudo é feito pela Internet sem ter que ir a um revendedor para instalar um novo software.

A marca de luxo alemã oferece um período de teste gratuito de um mês para aquecedores de assento.

Se o proprietário preferir, pode tratar o item como opção e pagar o equivalente a R$ 2.172 para ter o equipamento permanentemente.

Não é o único item a ser cobrado, assim o volante aquecido custa R$ 53 por mês, R$ 492 por ano e R$ 862 por três anos.

Portanto, quer comprar o equipamento? Prepare-se para pagar R$ 1.188.

Embora tenha dito anteriormente que não cobraria pelo uso do Apple CarPlay, a BMW encontrou outra maneira de ganhar dinheiro assinando a versão sem fio.

E não é nada barato, pois o equipamento de aquecimento no banco da BMW custa R$ 1.632, então você não precisa pagar nenhuma mensalidade

O motor 1.6 é sua melhor opção e posso provar isso. 5 razões para mudar o seu 1.0 para 1.6!

A loja também tem outros itens para pagar, como assistente de farol alto, sistemas de segurança adicionais e o Drive Recorder, que registra a imagem ao redor do veículo.

O IconicSounds Sport é de todos os itens o mais diferente nesta loja da BMW.

É um sistema que reproduz sons de motor falsos pelo sistema de som do carro e você tem que pagar R$ 739 para ter essa opção permanentemente.

Ou pelo menos você não tem uma assinatura para este recurso.

E vale a pena passar por todo esse trabalho para ter um sistema de assinatura para recursos do carro?

A Stellentis realizou um estudo e estimou que faturaria US$ 23 bilhões (Real 123,1 bilhões) por ano com esses tipos de taxas até o final desta década.

A nova tendência do mercado são os carros com teto solar, confira os hatch e sedãs mais cobiçados.

É muito dinheiro, principalmente porque o equipamento já estará no veículo, a única diferença é que está desativado e você tem que pagar para usá-lo

Isso obviamente gerará todos os tipos de desbloqueios para os carros e desbloqueará esses recursos sem ter que pagar por eles.

É claro que os fabricantes devem estar preparados e declarados que isso anularia a garantia do veículo.

A menos que o proprietário realmente quisesse esperar a garantia expirar!

Provavelmente começará a procurar uma solução assim que sair da concessionária.

Atualmente, poucas empresas da indústria automotiva estão considerando tal plano. Além da BMW, a Mercedes-Benz e a Stellantis também planeja algo assim há anos.

Por outro lado, alguns fabricantes como Ford e Toyota se manifestaram contra essa ideia.

Eles estão dizendo que não é correto cobrar por algo que já está no veículo.

Gostou, afinal? Então veja também!

Novo Hyundai HB20 2023 tem inicio em suas vendas

Conheça o carro popular líder de vendas por 20 anos

Carro elétrico retira CO2 do ar ao circular nas ruas

Quer ler mais sobre assuntos do mundo dos carros e, além disso, ficar por dentro das novidades?

Portanto, faça parte do nosso grupo do facebook, CarroNosso, um lugar para informação, discussão e troca de experiências.

Jonny Brizio

Vendedor de formação, empreendedor por vocação e entendedor de carros por paixão. Este é o autor deste blog, Jonny Brizio, nascido em 1994 no Rio de Janeiro.
Curiosamente, louco por carros desde os 6 anos, mesmo que não haja ninguém na sua família que compartilhe tão profundamente deste sentimento avassalador.
Cresceu assistindo na TV, os programas “Auto esporte”, “Vrum”, “Auto+” o qual ele assistia religiosamente todos os episódios.
Apesar de todo conhecimento técnico teórico adquirido no programa da TV, junto a artigos e livros já ser grandioso e surpreendente, estava na hora de colocar em prática tudo o que aprendeu e começar a se destacar.
Aos 15 anos, ele decidiu trabalhar em uma oficina mecânica! Lá, Jonny aprendia sobre a mecânica das máquinas e adorava manobrar os carros do clientes, já que o seu pai não o permitia dirigir até que fosse maior de idade.
Sobretudo, as suas habilidades de direção quase que perfeitas em alta velocidade, impressionavam seu pai, que permitia-o dirigir em casos de emergência.
Por fim, aos 18 anos ele pôde desfrutar da sua liberdade por causa da sua independência, onde tivera a oportunidade de dirigir diferentes carros, seja por locadoras ou carros de amigos.
Todavia, junto com toda esta liberdade vem também a responsabilidade. Sendo assim, Jonny decidiu trabalhar com carros, já que a paixão corria em suas veias em todos os aspectos da sua vida.
Por isso, cresceu na carreira e virou consultor de seguros automotivos, onde recebe ligações quase todos os dias para proteger um bem tão essencial na vida de uma pessoa: O carro. Este, aliás, que chega a ser quase um filho para algumas pessoas.
Embora ainda não realizado, decidiu então criar este blog sobre carros, onde compartilha sua bagagem de conhecimentos profundos junto com as noticias que acontecem no momento.
Portanto, este trabalho é oriundo de talento, persistência e um sonho! Grandes vitórias, exigem grandes dedicações, por isso, espera-se que cada leitor absorva cada artigo de forma que venha a acrescentar tanto quanto acrescenta na vida do autor.
Saudações,

Deixe um comentário