Chrysler 300c faz sua despedida, com motor mais potente da linha

Chrysler 300c

O modelo Chrysler 300c traz o motor mais potente já utilizado na linha: Um 6.4 Hemi V8 de 492 cv!

O 300C é um dos carros mais marcantes da Chrysler na história recente e o sedã conseguiu se destacar pelo tamanho, design robusto e motores de alta cilindrada.

Mas estava desatualizado: a geração atual tem nada menos que 11 anos, portanto, os dias do modelo estão contados, pois está sendo descontinuado, mas pelo menos vai acontecer em grande estilo!

Para comemorar a despedida, o Chrysler 300C ganha uma série especial: as vendas ainda não começaram, mas o modelo já está em exposição no Detroit Auto Show, nos EUA, que abriu suas portas nesta quarta-feira (14)

A Ferrari do CR7 é incrível, confira a coleção do Cristiano Ronaldo.

Motor V8

Além da nostalgia, a edição de despedida do Chrysler 300C também apela ao desempenho: graças à introdução de um motor 6.4 Hemi V8 de 492 cv, é a versão mais potente da história do sedã!

Até então, a opção mais esportiva da geração atual era um V8 5.7 com apenas 368 cv, assim segundo a fabricante, o novo motor acelera o Chrysler 300C de 0 a 100 km/h em apenas 4,3 segundos.

O sedã precisa de apenas 12,4 segundos para percorrer um quarto de milha (aproximadamente 400 m) e a velocidade máxima é de 257 km/h.

O Motorzão trabalha com transmissão automática de oito marchas acoplada à tração traseira e o modelo conta ainda com diferencial de deslizamento limitado, potentes freios Brembo e suspensão esportiva.

Existe até um sistema de escape ativo que pode tornar o V8 mais silencioso ou mais alto, dependendo do gosto do motorista.

O Chrysler 300C de despedida é visualmente discreto, mas tem elementos esportivos, então há uma placa de identificação na grade dianteira, spoiler traseiro e rodas de 20 polegadas.

E não há elementos cromados no corpo, em vez disso, a limusine usa elementos pintados de preto.

História do Chrysler 300C

Chrysler 300c

Os principais carros sedan Renault pode te surpreender, confira a lista dos mais desejados.

Chrysler usou o número 300 para designar modelos já nas décadas de 1960 e 1970, e na década de 90, a marca lançou o 300M, que salvou essa nomenclatura.

Em 2004, este modelo deu lugar a uma nova série 300, com o acréscimo da letra C nas versões topo de linha.

O tamanho é semelhante ao seu antecessor, mas o design levou elementos de estilo retrô e uma nova plataforma trouxe de volta a tração traseira.

A segunda e última geração do 300C foi lançada em dezembro de 2010 e foi vendida na Europa pela marca Lancia, renomeada Thema.

Ambas as linhagens têm sido comercializadas no Brasil por importação, mas em pequenas quantidades.

Gostou, afinal? Então veja também!

Waze: Rota especial com pontos de recarga para carros elétricos

Audi e-Tron 2023: Ficha técnica, preço e novidades do lançamento

Teste drive: Como fazer, quem tem direito e como funciona?

Quer ler mais sobre assuntos do mundo dos carros e, além disso, ficar por dentro das novidades?

Portanto, faça parte do nosso grupo do facebook, CarroNosso, um lugar para informação, discussão e troca de experiências.

Jonny Brizio

Vendedor de formação, empreendedor por vocação e entendedor de carros por paixão. Este é o autor deste blog, Jonny Brizio, nascido em 1994 no Rio de Janeiro.
Curiosamente, louco por carros desde os 6 anos, mesmo que não haja ninguém na sua família que compartilhe tão profundamente deste sentimento avassalador.
Cresceu assistindo na TV, os programas “Auto esporte”, “Vrum”, “Auto+” o qual ele assistia religiosamente todos os episódios.
Apesar de todo conhecimento técnico teórico adquirido no programa da TV, junto a artigos e livros já ser grandioso e surpreendente, estava na hora de colocar em prática tudo o que aprendeu e começar a se destacar.
Aos 15 anos, ele decidiu trabalhar em uma oficina mecânica! Lá, Jonny aprendia sobre a mecânica das máquinas e adorava manobrar os carros do clientes, já que o seu pai não o permitia dirigir até que fosse maior de idade.
Sobretudo, as suas habilidades de direção quase que perfeitas em alta velocidade, impressionavam seu pai, que permitia-o dirigir em casos de emergência.
Por fim, aos 18 anos ele pôde desfrutar da sua liberdade por causa da sua independência, onde tivera a oportunidade de dirigir diferentes carros, seja por locadoras ou carros de amigos.
Todavia, junto com toda esta liberdade vem também a responsabilidade. Sendo assim, Jonny decidiu trabalhar com carros, já que a paixão corria em suas veias em todos os aspectos da sua vida.
Por isso, cresceu na carreira e virou consultor de seguros automotivos, onde recebe ligações quase todos os dias para proteger um bem tão essencial na vida de uma pessoa: O carro. Este, aliás, que chega a ser quase um filho para algumas pessoas.
Embora ainda não realizado, decidiu então criar este blog sobre carros, onde compartilha sua bagagem de conhecimentos profundos junto com as noticias que acontecem no momento.
Portanto, este trabalho é oriundo de talento, persistência e um sonho! Grandes vitórias, exigem grandes dedicações, por isso, espera-se que cada leitor absorva cada artigo de forma que venha a acrescentar tanto quanto acrescenta na vida do autor.
Saudações,

Deixe um comentário