Ford traça plano com concessionárias para carros elétricos mais baratos

carros elétricos baratos

Marca norte-americana Ford busca alternativas para competir com o modelo de vendas online da Tesla e deixar seus carros elétricos mais baratos.

A montadora norte-americana quer reduzir o preço dos modelos em até US$ 2.000 (R$ 10.200) tentando convencer os revendedores a reduzir o custo de entrega de carros elétricas aos clientes.

O presidente-executivo da Ford, Jim Farley, está em Las Vegas esta semana para conversar com os revendedores sobre os novos planos, segundo a Reuters.

A nova tendência do mercado são os carros com teto solar, confira os hatch e sedãs mais cobiçados.

A agência de notícias observa que o sucesso do Tesla em vender carros elétricos sem revendedores de franquia está levando as montadoras tradicionais a reconsiderar sua rede de revendedores.

Acima de tudo, e a Ford não é exceção.

Segundo a reportagem, a montadora disse às concessionárias que um dos principais tópicos dos encontros será discutir novos acordos.

Estes que regerão como as concessionárias vendem a crescente linha de veículos elétricos da empresa.

Em julho, Farley disse a analistas que, além dos custos de venda e distribuição, a Ford precisava cortar US$ 2.000 por veículo para competir com a Tesla.

Aliás também outras startups de carros elétricos que vendem diretamente para clientes não franqueados que os comerciantes vendem

De acordo com o CEO, cerca de um terço dessa economia – entre US$ 600 e US$ 700 – viria do modelo de baixo estoque, onde os clientes pedem um veículo e a Ford o envia para o cliente.

Isso ajudaria a Ford a evitar o armazenamento de veículos nas concessionárias por semanas ou meses.

A montadora não comentou sobre os planos relatados para Farley conversar com os revendedores sobre a redução dos custos de venda e distribuição.

Mas disse que isso “estamos animados em nos reunir na próxima semana com nossos revendedores da América do Norte para crescer e vencer juntos.”

Alguns revendedores falaram com a Reuters e disseram esperar que a Ford estabeleça investimentos mínimos para estações de recarga.

Além de outros equipamentos para dar suporte aos clientes de carros elétricos.

Por exemplo, instalar um carregador pode custar até US$ 500.000, então os varejistas querem saber em quanto tempo serão forçados a usar carregadores.

Outros revendedores estão preocupados que uma mudança da Ford para um sistema de pedidos semelhante ao da Tesla possa limitar as margens de lucro potenciais nas vendas de carros novos.

Se a Ford pretende estabelecer preços fixos ou taxas fixas para o fornecimento de carros elétricos, as leis estaduais de franquia podem dar aos revendedores uma vantagem para combater esses esforços e deixá-los mais baratos!

CUIDADO COM A MULTA! Farol sempre acesso não mais, conheça as luz de rodagem diurna (DRL).

A General Motors, por exemplo, ofereceu aos revendedores Cadillac que não queriam compensação pelo investimento necessário em eletrificação.

E recentemente anunciou planos de fazer o mesmo para as concessionárias Buick. A GM já gastou US$ 274 milhões para reduzir as concessionárias de Cadillac nos EUA.

Em julho, Jim Farley disse que os spreads dos revendedores ainda são muito competitivos, mas observou que eles mudarão.

O executivo acrescentou que a Ford pretende dar mais ênfase à venda de produtos e serviços após as vendas iniciais dos veículos.

Gostou, afinal? Então veja também!

VW Tiguan 2023 – Inovações e tecnologias únicas são os destaques

Uber Eats lança carro totalmente autônomo

Taxa zero pela Toyota na compra do Corolla Cross e Yaris

Quer ler mais sobre assuntos do mundo dos carros e, além disso, ficar por dentro das novidades?

Portanto, faça parte do nosso grupo do facebook, CarroNosso, um lugar para informação, discussão e troca de experiências.

Jonny Brizio

Vendedor de formação, empreendedor por vocação e entendedor de carros por paixão. Este é o autor deste blog, Jonny Brizio, nascido em 1994 no Rio de Janeiro.
Curiosamente, louco por carros desde os 6 anos, mesmo que não haja ninguém na sua família que compartilhe tão profundamente deste sentimento avassalador.
Cresceu assistindo na TV, os programas “Auto esporte”, “Vrum”, “Auto+” o qual ele assistia religiosamente todos os episódios.
Apesar de todo conhecimento técnico teórico adquirido no programa da TV, junto a artigos e livros já ser grandioso e surpreendente, estava na hora de colocar em prática tudo o que aprendeu e começar a se destacar.
Aos 15 anos, ele decidiu trabalhar em uma oficina mecânica! Lá, Jonny aprendia sobre a mecânica das máquinas e adorava manobrar os carros do clientes, já que o seu pai não o permitia dirigir até que fosse maior de idade.
Sobretudo, as suas habilidades de direção quase que perfeitas em alta velocidade, impressionavam seu pai, que permitia-o dirigir em casos de emergência.
Por fim, aos 18 anos ele pôde desfrutar da sua liberdade por causa da sua independência, onde tivera a oportunidade de dirigir diferentes carros, seja por locadoras ou carros de amigos.
Todavia, junto com toda esta liberdade vem também a responsabilidade. Sendo assim, Jonny decidiu trabalhar com carros, já que a paixão corria em suas veias em todos os aspectos da sua vida.
Por isso, cresceu na carreira e virou consultor de seguros automotivos, onde recebe ligações quase todos os dias para proteger um bem tão essencial na vida de uma pessoa: O carro. Este, aliás, que chega a ser quase um filho para algumas pessoas.
Embora ainda não realizado, decidiu então criar este blog sobre carros, onde compartilha sua bagagem de conhecimentos profundos junto com as noticias que acontecem no momento.
Portanto, este trabalho é oriundo de talento, persistência e um sonho! Grandes vitórias, exigem grandes dedicações, por isso, espera-se que cada leitor absorva cada artigo de forma que venha a acrescentar tanto quanto acrescenta na vida do autor.
Saudações,

Deixe um comentário