Greenpeace: Montadoras com maior avanços e investimento na eletrificação – Ranking

eletrificação

A busca pela eletrificação automotiva já não está em seu inicial a um bom tempo: Por exemplo a Toyota que atualmente agora é foco de críticas de ativistas e investidores verdes.

Estes que a criticam por não migrar para veículos elétricos a bateria (BEVs) tão rapidamente quanto outras montadoras.

“O tempo para híbridos, eu penso, terminou”, disse Daniel Read, ativista de clima e energia do Greenpeace Japão.

CUIDADO COM A MULTA! Farol sempre acesso não mais, conheça as luz de rodagem diurna (DRL).

Novas metas de eletrificação

Assim, neste cenário, onde as grandes montadoras estão constantemente revisando (para cima) suas metas de vendas de carros elétricos.

A Toyota em dezembro passado revisou sua meta para veículos elétricos e células de combustível!

Sendo para 3,5 milhões de unidades por ano atualizadas para 2030, um aumento acentuado de os 2 milhões anteriormente esperados.

Portanto, na semana passada, a gigante japonesa anunciou que investiria até US$ 5,1 bilhões no Japão e nos Estados Unidos para produzir mais baterias para veículos totalmente elétricos.

“Nós reconhecemos que eles fizeram alguns ganhos”, disse Read. “No entanto, fundamentalmente, quando comparado com outras montadoras globais, eles estão ficando muito para trás.”

Basicamente, o ranking do Greenpeace mede o progresso na eliminação de veículos com motor de combustão interna, descarbonizando a cadeia de suprimentos e reduzindo a eficiência dos recursos, tendo então a eletrificação!

Assim, um porta-voz da Toyota disse em comunicado que a empresa está trabalhando para reduzir as emissões de CO2 o mais rápido possível, acrescentando que continuará fazendo o seguinte:

“fazer todos os esforços possíveis para oferecer o maior número de opções de ( veículos elétricos a bateria) e outros multi-powertrains para nossos clientes em todo o mundo”.

Curiosamente então, ao lado da Toyota, os últimos lugares foram ocupados pela Nissan e Honda em 8º e 9º lugares respectivamente.

No caso da Honda, a principal crítica diz respeito à falta de um roteiro para atingir suas metas de vendas de carros elétricos.

Mesmo a Nissan, que foi pioneira no Leaf, não apresentou crescimento nas vendas de carros elétricos.

CUIDADO COM A MULTA! Farol sempre acesso não mais, conheça as luz de rodagem diurna (DRL).

Aliás, curiosamente, ao lado da Toyota, os últimos lugares foram ocupados pela Nissan e Honda em 8º e 9º lugares respectivamente.

Portanto, no caso da Honda, a principal crítica diz respeito à falta de um roteiro para atingir suas metas de vendas de carros elétricos.

Mesmo a Nissan, que foi pioneira no Leaf, não apresentou crescimento nas vendas de carros elétricos.

Por outro lado, a GM ficou em primeiro lugar por seus esforços em investimentos de grande escala, produção de baterias e introdução de novos carros elétricos.

No entanto, o painel ainda considera o valor de 38,5 em 100 pontos possíveis como um indicador baixo.

Abaixo – Ranking

Posição                Montadora        Pontuação média

(total de 100)    Vendas de veículos zero emissão em 2021

1             General Motors               38.5       8.18%

2 Mercedes-Benz               37.0       3.82%

3 Volkswagen       33.3       5.21%

4 Ford     23.5       1.40%

5 Hyundai-Kia       22.3       3.49%

6 Renault                 20.3       6.69%

7 Stellantis             19.3       2.86%

8 Nissan  13.4       2.20%

9 Honda  12.8       0.35%

10           Toyota  10.0       0.18%

Fonte: Greenpeace via Reuters

Gostou, afinal? Então veja também!

VW Tiguan 2023 – Inovações e tecnologias únicas são os destaques

Uber Eats lança carro totalmente autônomo

Taxa zero pela Toyota na compra do Corolla Cross e Yaris

Quer ler mais sobre assuntos do mundo dos carros e, além disso, ficar por dentro das novidades?

Portanto, faça parte do nosso grupo do facebook, CarroNosso, um lugar para informação, discussão e troca de experiências.

Jonny Brizio

Vendedor de formação, empreendedor por vocação e entendedor de carros por paixão. Este é o autor deste blog, Jonny Brizio, nascido em 1994 no Rio de Janeiro.
Curiosamente, louco por carros desde os 6 anos, mesmo que não haja ninguém na sua família que compartilhe tão profundamente deste sentimento avassalador.
Cresceu assistindo na TV, os programas “Auto esporte”, “Vrum”, “Auto+” o qual ele assistia religiosamente todos os episódios.
Apesar de todo conhecimento técnico teórico adquirido no programa da TV, junto a artigos e livros já ser grandioso e surpreendente, estava na hora de colocar em prática tudo o que aprendeu e começar a se destacar.
Aos 15 anos, ele decidiu trabalhar em uma oficina mecânica! Lá, Jonny aprendia sobre a mecânica das máquinas e adorava manobrar os carros do clientes, já que o seu pai não o permitia dirigir até que fosse maior de idade.
Sobretudo, as suas habilidades de direção quase que perfeitas em alta velocidade, impressionavam seu pai, que permitia-o dirigir em casos de emergência.
Por fim, aos 18 anos ele pôde desfrutar da sua liberdade por causa da sua independência, onde tivera a oportunidade de dirigir diferentes carros, seja por locadoras ou carros de amigos.
Todavia, junto com toda esta liberdade vem também a responsabilidade. Sendo assim, Jonny decidiu trabalhar com carros, já que a paixão corria em suas veias em todos os aspectos da sua vida.
Por isso, cresceu na carreira e virou consultor de seguros automotivos, onde recebe ligações quase todos os dias para proteger um bem tão essencial na vida de uma pessoa: O carro. Este, aliás, que chega a ser quase um filho para algumas pessoas.
Embora ainda não realizado, decidiu então criar este blog sobre carros, onde compartilha sua bagagem de conhecimentos profundos junto com as noticias que acontecem no momento.
Portanto, este trabalho é oriundo de talento, persistência e um sonho! Grandes vitórias, exigem grandes dedicações, por isso, espera-se que cada leitor absorva cada artigo de forma que venha a acrescentar tanto quanto acrescenta na vida do autor.
Saudações,

Deixe um comentário